8 de março de 2016

Doenças respiratórias matam mais de 30 pessoas por dia, mas mortalidade decai, diz DGS



As doenças respiratórias matam uma média superior a 30 pessoas por dia em Portugal, mas a mortalidade tem decaído desde 2012, segundo um relatório da Direção-geral da Saúde que é hoje apresentado.

O número de óbitos por doenças respiratórias foi tendo aumentos quase constantes entre 2007 e 2012, mas em 2013 assistiu-se a um decréscimo de 10% em relação ao ano anterior, com um total de 12.611 mortes.

Em 2014 voltaram a registar-se menos mortes, num total de 12.147, mais de 6.200 em homens e cerca de 5.800 nas mulheres.

Diário Digital / Lusa